h1

Social e economia andam juntos

qua 18 maio, 2016
Muita gente acha que eu sou petista por defender Prouni, Fies, Pronatec, Bolsa Família (vai ler sobre política de segurança alimentar) e outros programas que foram executadas nesse governo.
Muita gente acha que sou petista por afirmar que a Polícia Federal é “quase independente” e o MP sempre tem a sua frente o mais votado na eleição para PGR, quando antes era carregada pelo engavetador escolhido pelo presidente.
 
Muita gente acha que sou petista por afirmar que houve recuperação da estrutura de universidades federais (vi isso nos anos que estive na Ufes) e ampliação do número de vagas em cursos superiores em Institutos Federais.
Muita gente acha que eu sou petista por achar que o que foi feito nos 13 anos do PT no governo é melhor para a formação do país do que havia sido feito antes.
O problema é: quando eu defendo as poucas coisas defensáveis nesse governo, entendo como ideias que deveriam ficar de pé e não cair nunca. Mas quem está do outro lado coloca isso como problema para o país, quando é solução.
 
A economia deste governo é um desastre. Conseguiu ser mais ineficiente do que a do Lula, que não aproveitou as janelas e só beneficiou setores primários da economia, sem fomentar desenvolvimento e empreendimento. Governo da Dilma segurou inflação cambial gerando inflação.
 
Há dezenas de eros que poderia citar, mas negar que houve inclusão, escolarização e mobilidade social é cegueira. Ignorar que saímos do mapa da fome, mesmo que tenha babaca usando o bolsa-família sem precisar, também é cegueira.
 
Não apoio o projeto do Temer. É o mesmo projeto que transformou o país que vinha da megalomania militar (acreditavam no país, apesar dos métodos escrotos) e levou à teoria da dependência para o desenvolvimento. Não apoio também colocar a raposa para cuidar do galinheiro.
 
Enquanto apoiam, pelo que vejo de notícia, vamos fazer o país perder os avanços que possibilitariam ter um princípio de massa pensante. Vamos ceder ao tal do mercado que é aquele deus (ou diabo) que pede mais do que entrega.
 
Pior que perder aposentadoria, SUS e garantias trabalhistas é ver que vamos perder a chance de formar mais pessoas que poderiam fazer desse país miserável uma nação. Ver que vão colocar as prioridades em cima da pirâmide, naquela esperança de repartir o bolo depois. Isso já aconteceu em algum lugar? Sociedades mais justas tendem a ser mais colaborativas para o crescimento. Temos de rever o que queremos de futuro. E eu aposto em ser mais justo.
Economia e desenvolvimento social são coisas que são separas, mas andam juntas. Uma não fica bem sem o outro. Não adianta abrir mão do que há de bom, útil  e inclusivo do governo petista. Colocam como se um fosse o antônimo do outro. Não são. E, enquanto tiver essa ideia na cabeça da sociedade, teremos um país desigual, sem perspectiva e ruim de se viver.
Daniel Figueredo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: